Projeto Solução – veja o resultado das ações do Grupo

Publicado em 17/12/21

O Projeto Solução foi organizado por alunos do Ensino Médio que tinham dois desejos em comum: empreender e melhorar o mundo. Com esses objetivos em mente, estudantes de 1.a, 2.a e 3.a série do Ensino Médio coordenaram em 2021 um projeto que envolveu a educação pública durante a pandemia da Covid-19. Para que houvesse uma intervenção efetiva, foi realizada uma parceria com a Escola Estadual Alípio de Oliveira e Silva, situada em Taboão da Serra, que selecionou 23 alunos que se envolveriam em atividades acadêmicas promovidas pelos alunos do Bandeirantes.


Bruna Abib, aluna da 1.a série e uma das coordenadoras do Projeto Solução, contou sobre sua execução. “Foi criado há dois anos, com o tema empreendedorismo social. A cada ano, o tema principal muda. No 1.o ano, como ainda estava em desenvolvimento, fizemos uma campanha de a favor do uso de máscaras e protocolos de biossegurança na pandemia. Já este ano, investimos em uma área diferente, a educação pública na pandemia. Desenvolvemos um site tipo Moodle com diversas áreas, matérias e conteúdos, e fizemos parceria com uma escola pública para testar nosso protótipo.”. O Projeto Solução dispõe, além de Bruna, de mais sete coordenadores – Ana Luísa, Jennifer, Maria, Lina, Lopes, Thomas e Lívia. Eles trabalharam ativamente e estruturaram as tarefas a serem cumpridas. Além disso, participaram os professores Ricardo Almeida, de Química, e Lucianne Aguiar, de Biotecnologia, que tutelaram os estudantes na condução do projeto. 

Os alunos do Alípio entraram em contato com os conteúdos produzidos pelos do Band, além de participarem de plantões síncronos promovidos por estagiários e professores assistentes. O impacto foi significativo, segundo a coordenadora do Colégio Público, Cíntia Cesco, responsável pela parceria com o Band. “O Projeto foi de extrema importância, pois oportunizou aos alunos o domínio de habilidades fragilizadas pelo contexto da pandemia. Com o apoio da plataforma, foi possível desenvolver habilidades essenciais e aprofundar-se em habilidades de suporte. Foi uma oportunidade única que contribuiu para diminuir o abismo que há entre ensino público e privado. A interação com os alunos foi um ponto forte já que diminuiu barreiras de preconceito que podiam existir antes do contato com a realidade do nosso público. Todos os envolvidos foram extremamente atenciosos e comprometidos com a aprendizagem dos nossos estudantes. Somos muito gratos por tudo e esperamos que o Projeto tenha continuidade!”.

Além da atuação na Escola Pública, o Projeto Solução dirigiu uma campanha de arrecadação de alimentos, o chamado “OliBand Solidário”, uma competição entre as turmas de 3.a série. Todos os membros da Comunidade Band foram convidados a participar, mas a classe de formandos que obtivesse mais pontos – cada alimento corresponde a uma pontuação – ganharia um kit do Band ao final da arrecadação. Para entender melhor, clique aqui. A coordenadora Bruna Abib explicou que manter o espírito competitivo motivou ainda mais a criação da campanha. “O OliBand Solidário começou em 2020, já que foi inviável realizar o OliBand de esportes. No contexto de quarentena, os alunos participantes do Projeto Solução resolveram arrecadar alimentos não perecíveis para as famílias carentes.”.

Foi feita, então, uma parceria com a Hersy’s Transportes, que se disponibilizou para transportar os alimentos arrecadados para as três instituições escolhidas pelos alunos e alunas: Fundação Julita, no Jardim São Luís, voltada ao público infanto-juvenil, Assistência Dom José Gaspar, em Guarulhos, uma instituição filantrópica de idosos e a ONG Banco de Alimentos, no Pacaembu, uma distribuidora de alimentos que ajuda diversos lugares carentes. 

Foram arrecadados, no total, 616 kg de arroz, 28 kg de feijão, 26 kg de macarrão, 10 kg de leite em pó, 2 kg de café e 91 cestas básicas, além de algumas unidades de óleo e aveia. A turma vencedora do projeto, tendo colaborado com mais da metade do arroz arrecadado – 417 kg -, além de diversos outros alimentos, foi a 3J, que se mostrou extremamente engajada no Projeto. A sala arrecadou cerca de R$1800,00 e o aluno Atisha Akiyama ficou responsável pela compra e entrega dos alimentos. 

Para Bruna, ao final do OliBand Solidário, o objetivo mais importante foi cumprido. “Ficamos muito felizes e realizados com tantas doações e, principalmente, por conseguirmos ajudar e atingir um grande número de pessoas que precisam de nossa colaboração.”.

Temas relacionados:
Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto o Band é legal!