“Sobre lápis e bananas”

Publicado em 23/05/13

IMG_0068

No dia 17 de maio último, os alunos do 9.o ano receberam a visita do poeta carioca Eucanaã Ferraz, organizador do livro “A Lua no Cinema”, leitura realizada neste bimestre durante as aulas de redação com o objetivo de aprofundar o estudo de poesia. Como bom contador de histórias, Eucanaã encantou os alunos que vieram ao evento ocorrido na parte da manhã. Diante das perguntas sobre o fazer poético, a poesia, palavras e inspiração, o poeta, também professor e ensaísta, deu uma aula de bom humor e gentileza, explicando aspectos complexos da linguagem poética de maneira simples sem subestimar a inteligência da plateia. Depois de uma leitura comovida do poema “o ovo de galinha”, de João Cabral de Melo Neto, Eucanaã autografou os livros.

O evento foi uma possibilidade de os alunos se relacionarem com a poesia fora da sala de aula, uma espécie de aula, cheia de lições, porém leve e divertida. Eucanaã mostrou como só a arte da poesia pode juntar palavras de sentidos tão diferentes como “lápis e banana” e a elas atribuir um sentido novo e criativo por meio de figuras de linguagem. Um dos alunos confessou: “Eu achava que seria bem chato, mas o papo com o poeta me surpreendeu… foi muito legal”. O poeta também se surpreendeu ao saber que os alunos do 9.o ano não estavam em seu horário de aulas e que vieram ao colégio pela manhã especialmente para esse encontro.

No poema a seguir, Eucanaã expressa a tensão que existe entre o que o poeta quer expressar e a linguagem. Confira a linda metáfora do poeta como equilibrista.

O equilibrista

Traz consigo resguardada
certa ideia que lhe soa
clara, exata.

No entanto, hesita: que palavra
a mais bem medida e cortada
para dizê-la?

Enquanto não lhe vem o verso, a frase, a fala,
segue lacrada a caixa
no alto da cabeça.

eucanaa1 (640x480)

 

IMG_0067 IMG_0056 IMG_0051 IMG_0050 IMG_0046 IMG_0035

 

Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto o Band é legal!