Sentimentos que se perderam no trânsito

Publicado em 02/12/13

Escrevo.

Escrevo escondido.

Pois poesia é amor.

E amor não paga as contas, não cai no vestibular.

No vestibular cai a reprodução das gimnospermas.

 

No meu violão não há mais cordas,

na minha voz não há mais timbre.

Porque música é amor

E o amor não oscila junto com o dólar.

Ou até oscile, mas isso não passa no Jornal Nacional.

Eu só sei que a inflação tá alta e que tem guerra na Síria,

pois o trânsito em São Paulo é insuportável.

 

Você que sempre esteve não aqui,

está sempre longe quando está do meu lado,

Na necessidade obsessiva de se comunicar,

E de se sentir em companhia.

Mas logo logo você se vai, eu me vou…

No fundo, só temos a…

 

… Em que página estamos professor?

 

Pedro Chazanas, 3E2 

Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto o Band é legal!

mais de Linguagens e códigos