Flor!

Publicado em 19/06/13

“Flor! Enquanto na messe estremesse a quermesse

E o Sol, o celestial girassol esmorece,

Deixemos estes sons tam serenos e amenos,

Fujamos, Flor!”* *(Eugenio de Castro)

 

Fuja comigo

Numa fuga com um amigo

Para que possamos conversar

Num florido campo

Longe de tudo e de todos

 

Onde teremos nosso próprio tempo,

Nossas próprias regras, sem tempo para se preocupar

Conversando, conversando

Ignorando o nosso ao redor

 

E que todos parem, congelem

E o tempo só passe para nós

Ou passe para todos

Parando para nós
 

E um dia eles voltarão

Verão e dirão

Eles estavam felizes juntos.

Thomas Wang, 3H3

Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto o Band é legal!

mais de Linguagens e códigos