Elxs que contam: galeria Choque Cultural

Publicado em 19/09/17

Os melhores lambes de cada turma foram colados pelos próprios alunos na galeria Choque Cultural!

Confira como foi essa experiência a partir de depoimentos de duas alunas da 2A:

“Após o projeto dos lambes, eu passei a entender que existem definições diferentes da arte de rua, mas eu acho que a essência desse tipo de arte é a possibilidade do povo de se expressar e de ser ouvido por meio de formas variadas, como o grafite, o lambe, instalações, entre outros. A importância da arte de rua para os jovens pode estar relacionada à construção do pensamento crítico, tanto entender e refletir a mensagem transmitida (caso o artista aborde uma crítica), pode tirar esta parte, porque não refletimos só a partir de textos críticos, e também pode tirar a vírgula como reproduzir seus próprios pensamentos e reflexões”, diz Alessandra Wertzner.

“A arte urbana pra mim significa levar a arte pra quem não pode acessar, mas também levar arte para quem pode acessar, mas não se interessa por isso. A arte é uma parte imprescindível na vida das pessoas, e estando em um espaço urbano e público, mesmo que inconscientemente, as pessoas começam a notar mais e a dar mais valor. Toda a experiência na galeria foi muito boa, superou minhas expectativas”, diz Bianca Duarte.

Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto o Band é legal!