A sombra que te persegue

Publicado em 19/03/14

Com essas poucas palavras tento falar o que sei. Com minhas frases tento falar algo com sentido.Com meu discurso tento fazer justiça. Com minha vida tento fazer algo útil. Mas no final, qual o resultado destas tentativas?

Sei que agora você poderia estar desperdiçando seu tempo fazendo algo inútil: se gabando de algo ou tentando ser alguém que não é. Porém, aqui está você lendo este texto. Parabéns! Você esta escapando temporariamente da miséria humana.

Nesse momento, estou dedicando meus pensamentos à grandeza do homem, precisamente aos diversos componentes do ser humano. Dentro deste grande conjunto, reside a miséria humana. Em alguns, a miséria chega a cegar e em outros, ela está escondida bem no fundo de seu ser.

Temos ideias tão irrelevantes sobre a miséria. Nós realmente achamos que se tivermos um comportamento totalmente ético ficaremos totalmente livres da miséria. Filosofe um pouco: quantas coisas mais teremos que vencer para estarmos totalmente libertos e protegidos de desavenças inúteis, preconceitos, futilidades materiais, agressões, violências gratuitas, imoralidades e muitas outras existentes no ser humano.

Muitas pessoas escreveriam algum texto poético ou alguma historia fantástica. Mas eu escrevo esse texto para falar da miséria humana, pois eu acredito que esta é uma grande dificuldade para a humanidade. Vamos raciocinar, pense em quantas vezes você esta lendo um livro e chama um personagem de inútil, eu acredito que você não se importaria de expor alguém ao ridículo pelas costas. Reflita em quantas vezes não ousou sentar ao lado de alguém desconhecido só por que era diferente. Vamos lá, diga a si mesmo, assuma que você já fez algo do tipo e tome coragem para tentar mudar isso. Afinal de contas, os problemas não se resolvem sozinhos.

Karina Mendes (pseudônimo – 8G)

Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto o Band é legal!

mais de Linguagens e códigos