Publicado em 27/11/13

Através de diamantes de gelo, seu olhar recai por sobre os seus pensamentos, seus pecados, seus desapontamentos. Perfura sua alma, absoluto, incorrigível, impassível. E no seu interior desperta a curiosidade, a inquietação, a vontade de provar para aquele desdenhoso olhar que você é digno. Ele sabe. De maneira aterrorizante, as palavras que saem daqueles perfeitos lábios transformam sua ansiedade em ação, em recorrentes batalhas, as quais, ele sabe, nunca serão vencidas. Os discursos que realiza lideram seus pés por terras perigosas, campos minados, onde muitos sonhos já foram retalhados. E é amor aquele brilho tênue que apareceu durante nada mais do que um instante naqueles olhos gélidos? Não, nada sabem os seus olhos sobre amor. Conhecem apenas a dedicação, conhecem apenas a devoção e a obsessão. São esses os caminhos que mutilam os tolos que ousam se apaixonar por ele. Pois humano, não o é – seu nome é Ideal.

 

Luísa Helena,  2H2

Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto o Band é legal!