Pré-pré-mirins

Publicado em 29/08/11

Por Maria Alice
Na torcida do InterBand, a animação dos pais e da família dos jogadores era grande, mas alguns indivíduos se sobressaíam no meio da multidão: crianças menores de 6 anos esbanjavam alegria e energia na torcida pelo time de seus familiares! Durante o jogo de futsal entre Magno e Lourenço Castanho, um bebê de aproximadamente dois anos vibrava com a partida, pulando e batendo palmas com os gols, botando as mãozinhas na cabeça e soltando um “Uh!” desapontado quando a bola não acertava a rede e levantando-se com os olhinhos arregalados quando a bola chegava na área. Isso e ele nem era familiar com nenhum jogador, estava no InterBand para ver o irmão da Vila no handebol mais tarde!
Já durante o jogo do Pioneiro contra Bandeirantes, pequenas criancinhas asiáticas corriam durante os breves intervalos pela quadra e imitavam o posicionamento das meninas. Quando a bola estava em jogo, sentavam-se, atentos, mas logo distraíam-se e voltavam a brincar. Quando o jogo não entretia, sentavam-se com os pais e ligavam os gameboys.
Por fim, no handebol entre Móbile e Arqui, uma menina (a maior pequena torcedora até agora), sorridente, acompanhava o jogo alegremente e gritava com todo o ar dos pulmões quando os pontos eram marcados. Corria para perto do seu pai, empunhando bastões infláveis e, em seguida riam-se e torciam juntos. A animação do InterBand contagia, de fato, gente de todas as idades e escolas.

Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto a Band é legal!

mais de Blog_InterBand