Conheça o novo espaço HUB

Publicado em 13/02/14

A sala A35, antigo LMD, que era utilizada em aulas que necessitavam o uso do computador, hoje não existe mais. O espaço foi totalmente repensado para que fosse possível uma transformação total no conceito e utilização da sala. Hoje intitulado HUB, o ambiente oferece o espaço e a mobilidade necessária para aulas mais dinâmicas e colaborativas, além de possibilitar o uso de materiais e ferramentas antes impensáveis nas salas de aula comuns.
hub_1
Estruturalmente, a sala recebeu laptops e mesas móveis, para que a mobilidade e a dinamização do ambiente fossem valorizadas. Além disso, serão instaladas bancadas com pias e recipientes para uso coletivo, bem como prateleiras para a exposição das ferramentas disponíveis. “Queríamos um espaço onde, além dos projetos formais, os alunos pudessem ter o material e o espaço necessário para realizar produções pessoais, não necessariamente ligados ao que é proposto em sala de aula”, explica Cristiana Mattos, Coordenadora de Tecnologia Educacional.
hub
“Para nós, ficava cada vez mais claro que, para ter uma educação que permitisse ao aluno uma experiência de colaboração e criatividade, era necessário que tivéssemos um chamado ‘Maker Space’ (Espaço de Criação). A experiência com projetos e cursos optativos desse gênero ‘hands on’ nós já tínhamos, de forma que a ideia da criação desse novo espaço surgiu de reuniões com todos os coordenadores dessas atividades ao longo do ano passado”, completa a coordenadora.
O uso da sala para as aulas inclusas na grade curricular também promete atividades novas e promissoras. Por ser um ambiente multiuso, todas as disciplinas poderão agendar horários para realizar atividades diferentes.
A disciplina de Artes, por exemplo, é uma das que verá a maior mudança no conceito das aulas, uma vez que agora será possível o uso de materiais como tintas, argila, água e muitos outros cujo uso dentro de sala de aula era bastante complicado.
“Nos 6.os anos, por exemplo, os alunos terão aulas de 100 minutos com o uso do HUB, justamente visando essa nova gama de possibilidades que o espaço oferece para as aulas de Artes”, explica o coordenador da área, João Epifânio Régis. “Com essas novas possibilidades, pudemos incluir no currículo dos alunos o estudo e as atividades com pintura e escultura, além de prevermos um possível uso do ambiente para aulas com música”, comentou.

Temas relacionados: , , ,
Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto a Band é legal!