Bandeirantes participa de evento internacional da UNESCO

Publicado em 29/11/16

O Global MIL Week reuniu mais de 80 especialistas de todo o mundo nas áreas de Mídia e Educação. A iniciativa é da rede GAPMIL da UNESCO internacional – uma rede que procura disseminar o uso dos meios de comunicação como parte fundamental da educação para o século XXI.
global_mil_week_2016_2
O Bandeirantes compareceu em peso ao evento se colocando como pioneiro no uso dos meios de comunicação no currículo. O diretor-presidente Mauro de Salles Aguiar participou de uma mesa redonda com o tema do uso das redes sociais para diminuir diferenças sociais e culturais.
Já a coordenadora de Português, Susana Vaz Húngaro, apresentou em primeira mão a Oficina de Mídias. O projeto curricular é o primeiro da América Latina do gênero. “Foi marcante o fato do Bandeirantes ser o primeiro a colocar a questão das mídias no currículo. A busca das escolas públicas em trabalhar com o tema gerou a principal discussão da mesa”, contou.
Os estudantes não ficaram de fora. As alunas do Idade Mídia Alexia Finklestein, Bianca Rick e Vivian Martins participaram de mesa redonda sobre projetos de mídia em São Paulo.
Já os alunos do Monu-EM (Caio Xavier Araújo,  João Costa,  Giulia Angelo, Adriano Adoni, Isabela Cosin, Leonardo Racy e  Laura Cubillas) foram repórteres no primeiro dia de evento, destinado apenas a jovens, e puderam assim trocar experiência com pessoas da Tunísia, Israel, Líbano e Nigéria. “Durante a Conferência entramos em contato com jovens, empreendedores sociais e entusiastas de diferentes lugares do mundo que enriqueceram os debates”, contou o estudante Leonardo Racy.
“Os alunos do MONU-EM tiveram suas participações muito elogiadas e levaram o nome do projeto e do Colégio para dentro de um evento da ONU; uma boa oportunidade para o projeto que trabalha intensamente com simulações das Nações unidas”, acredita a coordenadora do MONU – EM Regina Mara da Fonseca.
“A experiência do Bandeirantes com mídia é um exemplo para toda a América Latina e também Europa. Tenho vontade de leva-la a outros eventos ao redor do mundo”, disse o jamaicano Alton Grizzle, coordenador da área de Livre Expressão e Jornalismo da UNESCO, sediado em Paris (França).

Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto a Band é legal!