Prof. Régis visita dOCUMENTA e Bienal na Alemanha

Publicado em 03/09/12

O coordenador de Arte, João Regis Lima, passou sete dias na Alemanha, enviado pelo Bandeirantes, visitando a Bienal de Berlim e uma das exposições de artes mais importante do mundo, a dOCUMENTA de Kassel. Essa última acontece a cada cinco anos e chegou à sua 13ª edição. “Diferentemente de várias Bienais que são engrandecidas pela cidade em que se realizam, em Kassel a cidade é engrandecida pela exposição”, explicou Regis.


Este ano, a dOCUMENTA teve um caráter político fortíssimo e aconteceu em mais de uma cidade. A exposição se deu simultaneamente em Cabul (Afeganistão), Alexandria/Cairo (Egito) e Banff (Canadá). “A mostra procurava discutir o status da arte contemporânea “europeia” no mundo não-europeu, e o status da arte contemporânea “não-europeia” no mundo ocidental”, disse o coordenador.

Muitas obras vieram do Oriente Médio e do norte da África. As referências à 2ª Guerra também marcaram a exposição. “Um evento que me chamou particularmente a atenção: fui à antiga estação de trem de Kassel, e lá recebi um iPod que exibia um vídeo da mesma estação, porém com cenas gravadas que se referiam aos tempos da Guerra, quando judeus ali embarcaram a caminho dos campos de concentração. Tive que seguir o percurso que o vídeo traçava. Era incrível o contraste entre o que se via no vídeo e o que se via ao vivo na própria estação. Enquanto o vídeo mostrava, em alguns momentos, o horror da guerra, na realidade eu não via nada ao meu redor”, contou Régis.

Ele ainda pôde conferir brinquedos feitos de cápsulas de bala e um vídeo que comparou dois prédios bombardeados, o que estava recebendo a dOCUMENTA e outro em ruínas, no Oriente Médio. A pergunta pairava ano ar: “Por que um foi reformado e o outro foi esquecido?”.

As atividades que envolvem arte no Bandeirantes vão ganhar muito com essa experiência. O coordenador absorveu conhecimento e experiências que pretende trazer para cá.

“A arte fala mais do que muitas palavras, tem um grande poder de síntese e toca faculdades humanas que não são tocadas por outros meios. O que vi se transformará em provocações, em estímulos que vão além do conhecimento ao qual o aluno está acostumado. Queremos ampliar os horizontes dos estudantes.

Os nossos alunos poderão pensar muitas das mesmas questões abordadas nas aulas, mas a partir de pontos de vista inusitados e surpreendentes, o que faz parte da vocação da arte”, finalizou Regis.

O professor Regis fará uma palestra no colégio, sobre a visita à dOCUMENTA e à Bienal de Berlim, no dia 21/09, às 10h, na sala A-31. O convite é aberto a pais e ex-alunos. Os interessados devem se inscrever junto ao Departamento Cultural do Colégio.

Confira o blog mantido pelo Prof. Régis em sua viagem à Alemanha clicando aqui.

Temas relacionados: , , ,
Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto o Band é legal!

mais de Formação