Aprendendo mais sobre o psicodrama

Publicado em 11/09/12

A professora de Química, Rosiani Telles, foi a Brasília participar do 18º Congresso Brasileiro de Psicodrama. O evento, que acontece a cada dois anos, teve “O Poder” como tema central. “Foram trabalhados vários tipos de poder. Fui a uma apresentação sobre “o poder e a educação”, por exemplo, que envolvia o aluno, o professor e os pais no processo de formação de um indivíduo”, exemplificou.

O psicodrama é uma representação dramática, usada como exploração da psique humana e seus vínculos emocionais. “No Congresso as pessoas não vão somente para assistir, mas para participar também. Existe envolvimento e ação. Você traduz com o corpo o que está sentindo; muitas vezes ele diz mais que as próprias palavras”, explicou a professora.

O Bandeirantes, que tem muito interesse e utiliza com frequência as técnicas do psicodrama, investiu em Rosiani, para que ela trouxesse novas ideias ao Colégio. Trata-se de um método muito empregado em atividades relativas à formação docente. Levando cenas do dia-a-dia para o palco, os professores trabalham, através do teatro, a construção de outras possibilidades para se resolver um desafio que vivenciaram. A psicóloga e consultora do Band, Stela Fava, e a coordenadora de CPG, Estela Zanini, por exemplo, trabalham com o método na “Oficina do Professor”, grupo do qual a Profa. Rosiani faz parte.

“Pelo psicodrama é possível fortalecer e melhorar as relações entre professor e aluno, professor e professor, professor e funcionário, entre outras. O objetivo, e o que procurei aprender no Congresso, é como trabalhar com a técnica com os alunos aqui no Band”, concluiu Rosiani.

Temas relacionados: , , ,
Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto o Band é legal!

mais de Formação