Coding: cada dia mais parte do Band

Publicado em 17/12/18

Fazendo cada vez mais parte do dia a dia no Colégio, em 2018 o Coding chegou ao 7.o ano do Ensino Fundamental. A linguagem usada na programação já está no Band desde 2017 de maneira totalmente intrínseca a diversas matérias e a ideia é que, ano após ano, atinja todo o Ensino Fundamental.


No 7.o ano, o raciocínio da programação entrou num projeto que uniu Língua Espanhola com Artes: uma história em quadrinhos animada. Os alunos criaram as personagens, gravaram falas e, usando o programa “Scratch” que aprenderam a mexer ainda no 6.o ano, deram vida para a narrativa. Durante esse processo, eles ainda tiveram de programar uma senha para o início da história, aprendendo assim sobre a condicional “se”, fundamental para o Coding.

​A professora de Artes, Mariane Cavalheiro, conta que, pela forma lúdica e divertida do projeto, os alunos nem perceberam que estavam aprendendo. “É um processo muito rico. Eles entenderam a programação a partir do própria olhar”, destacou ela.

​A ideia é que o Coding apareça entrelaçado com outros conhecimentos – e não em uma aula específica- tornando tudo cada vez mais interdisciplinar. O professor de Física e STEAM, Renato Villar, explica também que, mais importante do que saber usar determinado programa, é necessário desenvolver o raciocínio computacional no aluno. “Queremos que ele olhe para qualquer tipo de problema e consiga resolvê-lo com a programação”, disse ele.

​ Além disso, o Coding, por ter uma característica extremamente interdisciplinar, permite que os professores, uma vez apropriados dos conceitos computacionais e com ajuda da equipe de Tecnologia, possam diversificar as dinâmicas de aula. “A ideia é que o Coding esteja cada vez mais enraizado no Colégio”, concluiu Renato.

​Confira uma das animações aqui.

Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto o Band é legal!

mais de Coding