“Feira do Band tem diversidade e profundidade”, acredita Roseli Lopes

Publicado em 20/10/12

Por Mariana Bregola

A Feira de Ciências do Colégio Bandeirantes teve a honra de receber como uma das avaliadoras de projetos a coordenadora da Febrace (Feira Brasileira de Ciências e Engenharia), da Escola Politécnica da USP, a Dra. Roseli Lopes de Deus. A Feira da USP é considerada hoje o principal acesso às feiras internacionais, além de ser a maior do país.

A engenheira fez vários elogios à Feira de Ciência do Band, tanto em relação ao tamanho quanto em relação à diversidade dos trabalhos e sua profundidade. Roseli disse acreditar que o incentivo a novas descobertas para resolução de problemas diários é algo importante e que devia ser mais explorado pelos alunos e professores.

“Até mesmo o teste de novos materiais é uma experiência válida”, disse. Para ela, mesmo que alguma experiência “não dê certo”, na verdade, tem um resultado válido, uma vez que mostra um caminho nunca antes percorrido.

Roseli ressaltou também a importância da aliança entre aluno e professor, e que o trabalho em grupos pode gerar resultados muito bons. “Alunos e professores podem se juntar para estudar juntos um tema novo e descobrirem coisas novas”, diz ela.

Além disso, Roseli ainda mostrou que o importante não é a complexidade dos trabalhos; uma resolução simples pode ser necessária para a resolução de um problema que afeta o dia a dia. “Os estudos devem ser adaptados à região onde o projeto visa ser implementado, pois muitos deles são feitos em outros países, com realidades diferentes do Brasil”, finalizou.

Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto o Band é legal!

mais de Band Ciências