De onde vêm os sobrenomes

Publicado em 04/06/13

Com o aumento da população  foi necessário criar mais distinções para identificar as pessoas, assim surgiram os sobrenomes.

Mundo_estranhoPor volta de 2850 A.C. os sobrenomes passaram a ser usados na China. O Império Fushi obrigou os chineses a ter três nomes: um próprio, um da família e um terceiro extraído de um poema. 

Em 500 A.C. o hábito foi dotado primeiro pelo Império Romano. Eles usavam três nomes: o praenomen (nomes próprio), o nomen (que designava o clã ao qual pertenciam) e o cognomen (nome da família). Com a decadência do império uso dos sobrenomes ceiu em desuso. 

Durante a Idade Média, mais ou menos em 1000 D.C. , o crescimento demográfico trouxe de volta os sobrenomes na Europa. Foram usados primeiro por nobres e senhores feudais, e depois por comerciantes e plebeus. 

No Brasil, 1500 D.C., os sobrenomes chegaram com os colonizadores e os mais comuns são: Silva, Santos, Oliveira, Souza e Sousa, Lima e Pereira.

Leia mais na revista Mundo Estranho. 

Fonte: VASCONCELOS, Yuri. De onde vêm os sobrenomes. Mundo Estranho, São Paulo, ano 13, n.06, jun. 2013, p. 28-32.-

Temas relacionados:
Compartilhe por aí!
Use suas redes para contar o quanto o Band é legal!